Plano Diretor
para  Educação Superior de Goiás (2024-2033)
Image
Organizado por: 

Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação
José Frederico Lyra Netto
Secretário

Subsecretaria de Formação de Talentos e Transformação Digital
Robert Bonifácio da Silva
Subsecretário

Superintendência de Capacitação e Formação Tecnológica
Alan Carvalho Oliveira
Superintendente

Equipe Técnica
Aiane de Oliveira Vieira
Gerente de Educação Superior

Alan Francisco Carvalho
Técnico em Gestão Pública

Eunice Lopes Toledo
Analista de Educação

José Teodoro Coelho
Assessor

Maysa Pereira Rodrigues
Assessora

Contato
Gerência de Educação Superior
ges.secti@goias.gov.br

Documentos de referência


A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação de Goiás (SECTI-GO) lidera esforços em prol da construção do Plano Diretor para a Educação Superior de Goiás (2024-2033).

O objetivo é estabelecer diretrizes que sirvam de referência para o processo autônomo de elaboração de ações e metas por parte das Instituições de Ensino Superior ( IES) ao longo dos próximos 10 anos.

Os trabalhos se iniciaram em agosto de 2022 e, desde o princípio, foram baseados em evidências e privilegiaram a participação da sociedade. Após a realização de estudos e de escutas ativas com o setor produtivo e a comunidade acadêmica, apresentamos a versão preliminar do documento base do Plano Diretor.

Para ampliar a participação, e construir um Plano Diretor alinhado com as expectativas e demandas da comunidade acadêmica e sociedade, foi disponibilizado no site até o dia 10 de setembro, uma consulta pública.

Além disso, durante todo o mês de agosto/23, o Governo de Goiás, por meio Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), percorreu as dez regiões de planejamento do estado realizando audiências públicas para a construção do Plano Diretor da Educação Superior de Goiás. O objetivo foi possibilitar a participação de comunidades acadêmicas e sociedade, coletando as demandas e sugestões de cada região. Os eventos aconteceram em Goiânia, cidade de Goiás, Anápolis, Uruaçu, Jataí, Rio Verde, Itumbiara, Catalão, Posse, fechando o cronograma em Valparaíso de Goiás no dia 31 de agosto.

Todas as contruibuições, tanto da consulta pública quanto das audiências, estão sendo analisadas e sistematizadas para serem incluídas no documento final.



Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.